Artigo

Decreto 8243 – golpe de Estado




Essa história do Decreto 8.243 de 23 de maio de 2014, após fazer a terceira leitura, não consigo vislumbrar outra finalidade do que um Golpe de Estado, aplicado pela Presidente Dilma.

Sendo que a Constituição Federal Brasileira, elabora pelo Poder Constituinte e publicada em Outubro de 1988, é garantista e assenta seus pilares nos princípios ordenados de um Estado Social e Democrático de Direito, tendo como fundamentos, dentre outros, o de Cidadania e o da Dignidade da Pessoa Humana.

Vale destacar os objetivos fundamentais constituem – dentre outros -na construção de uma sociedade LIVRE, JUSTA E SOLIDÁRIA. Nesse contexto, conquistado pelo povo brasileiro, por meios do Poder Constituinte.

Com a publicação do Decreto 8.243, e o PT não assinou a Constituição Federal, elaborada pelo Poder Constituição, segundo EDUARDO FAGNANI é professor do Cesit (Centro de Estudos Sindicais e Economia do Trabalho) e do Instituto de Economia da Unicamp. ” Embora tenha contribuído para os avanços sociais, o PT não assinou a Constituição de 1988, tida como reformista” Publicado em Folha de S. Paulo – Opinião – em 24/02/2011.

Verifica-se que o PT não aceita atual Constituição Federal. E, vai atropelá-la, como vai atropelar o Congresso Nacional e o Poder Judiciário.

Alerta: Ao Poder Judiciário, ao Poder Legislativo, A OAB Federal, Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual e Distrital, Professores das Faculdades de Direito, aos Estudantes em geral e extensivo aos Advogados.

Acredito que o Povo e todos os órgãos citados não aceitam um Golpe de Estado por linha Comunista em nosso País.

Entendo que deve-se aproveitar esse evento internacional “copa do mundo” para se mostrar a indignação, em seu inteiro teor.

VAMOS PRA RUA JÁ.